> Sigo Sim Blog: Dança como profissão!

Dança como profissão!



Oi amores!

Hoje vou falar um pouco sobre mim e minha profissão, pois ACREDITO NA DANÇA COMO PROFISSÃO! 


Iniciei meus estudos em 2001, sem grandes pretensões. De uma família cristã (evangélica) iniciei a dança sabendo que aquilo não passaria de hobby, descontração...qualquer adjetivo, menos dançar profissionalmente.

Sempre gostei muito de dançar e até aquele momento não sabia que a dança poderia ser levada a sério, como profissão. Nunca ouvi ninguém falar assim: - "Quando crescer quero ser professora de dança árabe”. 

Estudei dança durante quatro anos e fiquei afastada por mais quatro. Quando retomei, já tinha na cabeça a ideia e no coração o desejo de fazer da dança algo maior na minha vida.Então, participei da seleção para fazer parte da companhia na escola na qual estudava. A ideia da companhia era algo interessante para as alunas que tinham interesse em se profissionalizar.        Durante esta participação, aprendi muitas coisas ...quando decidi que queria a dança para minha vida fui atrás para me preparar. 


Aí você me pergunta...como assim? Preparar?

Bom, o tempo de estudo na dança trouxe-me conhecimentos para dançar, executar os movimentos corretamente.  Dar aula é algo que exige um conhecimento e estudo diferente, você vai trabalhar com corpos de outras pessoas, com limites diferentes do seu.Precisa conhecer algumas patologias para saber como proceder com o aluno que tenha, por exemplo, uma hérnia de disco.Aprende também formas diferentes para passar os movimentos em sala , desde dançar para o aluno até desenhar no chão o movimento, se preciso for.

O professor deve buscar o conhecimento teórico de cada estilo, e é muito difícil na primeira pesquisa sobre um estilo você fazer daquilo uma verdade. Temos diversas fontes com informações sobre a dança árabe...saber qual é a confiável é o X da questão...pior do que ser contraditório é levar informação errada para seus alunos.


Se você quer dar aula, tem que saber seu objetivo final. Muitas vezes queremos a dança porque gostamos de dançar, e pensamos em dar aula para aumentar a renda ou por achar que ser profissional exige o lado professor. Acredito que para ser um bom professor é necessário gostar, adorar e, se possível, AMAR trabalhar com pessoas. Não é porque ama dançar que não terá problemas com as pessoas que vão entrar na sala de aula. São tantas personalidades reunidas, alegrias, angústias, fraquezas, segredos, confissões inimagináveis e...VOCÊ! Então, tem que ser comunicativa, empática, e sempre alto-astral.

E tem que ter consciência de que a dança é seu trabalho é uma profissão, mas parte do seu público vai fazer como hobby, como uma forma de relaxar, enfim por interesses diferentes do seu. É importante ter isso claro para que não se frustre por querer transformar todos em grandes profissionais.


Acho importante os professores incentivarem seus alunos que demonstram interesse em ter a Arte como profissão. Temos como orientar, dividir conhecimentos e a partir daí cada um vai seguir da forma que melhor convir. 

Somos responsáveis pela formação de bons profissionais,fazendo um trabalho bonito e de qualidade. E pode ser de responsabilidade nossa o contrário também. Quando deixamos para preparar alguém no nosso tempo, podemos sim fazer com que esta pessoa tente traçar o próprio caminho e se perca.

Enfim...descubra o que Ama fazer e não trabalhe mais um dia da sua vida!!!!!


Bjs,

Elaine Keite 
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

POSTE SEU COMENTÁRIO AQUI.
Envie sua sugestão para posts (e críticas) para o nosso e-mail: mundodapattyoficial@hotmail.com

featured Slider

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...