> Sigo Sim Blog: Resenha: Tintura Garnier - Olia Vermelho Intenso 666

Resenha: Tintura Garnier - Olia Vermelho Intenso 666

Oi pessoal!

Resolvi dar uma repaginada nos fios, e vim mostrar o resultado pra vocês nesta resenha =)

Como sabem, estava super ruiva e aí radicalizei (voltando à morenice). Quem curte cabelos avermelhados sabe como é difícil ter um tom legal SEM ter que ficar descolorindo. Mas eu queria porque queria ficar ruiva novamente (sem danificar os fios).

Comentaram sobre o Olia pra mim assim que lançaram, mas eu estava curtindo a morenice..acabei deixando pra depois.

Bom. Chega de blablalá e vamos ao que interessa:
O Garnier Olia Vermelho Intenso (666) não tem amônia e a promessa é de colorir e tratar os fios ao mesmo tempo, graças aos óleos que estão na formulação da coloração.

A embalagem é bem funcional e o produto não é caro (achei no mercado a R$18,00, mas vocês podem encontrar por até R$25,00).

O kit vem com o creme revelador, a tintura, as luvas e o creme para aplicar na hora do enxague dos fios.

Para quem tem o "dom" de fazer meleca no banheiro quando vai pintar o cabelo....seus problemas acabaram! (espero)

Você faz a mistura da tinta com o creme revelador, que vai gradualmente ficando avermelhado (com um cheirinho de frutas vermelhas, que gostei bastante) , chacoalha com a tampa tradicional e, só depois, troca a tampa pelo bico aplicador (que você quebra para usar). 

A tintura é bem consistente, e a aplicação rende. 
A embalagem da tinta tem um bico, para facilitar a hora de furar e colocar a tintura no creme revelador.

A parte bacana é que este suporte da embalagem foi feito pra facilitar a sua vida, já que não vai deixar escorrer produto enquanto você massageia os fios e os enluva com a tintura (confesse....sempre fica uma meleca quando você usa a embalagem tradicional das tinturas ao invés do pote...o raio da embalagem vira e vaza...snif)
Após fazer a mistura da tinta, aplique nos fios e deixe agindo de 20 a 40 minutos (cada cabelo, um caso rs).
Deixei nos meus cabelos por 20 minutos. Nada de ardor, ou coceira, etc. (se você não sabe se pode ou não usar a tintura, faça o teste alérgico antes, como o encarte do produto ensina).
Não se assuste na hora do banho. A tintura vermelha sai a rodo, vai ficando alaranjada e...bom...depois que você já tem certeza que não há mais resíduo da tinta nos fios, tem que aplicar o creme de hidratação que vem no kit (só um pouco, ok? O restante você usa para outras aplicações).

Nas fotos abaixo, meu antes e depois.
As do antes e depois (acima) foram feitas no banheiro do meu quarto mesmo. Dá pra perceber o brilho e como os fios ficaram hidratados né?
Como já era tarde, e a luz não ajudava a mostrar o vermelhão, deixei para fotografar o efeito da cor e brilho no dia seguinte. Os raios sobre mim são do sol mesmo...tive de fotografar contra a luz.

Gostei do efeito. Espero que dure (se não durar, faço o update, avisando vocês, tá?)

Bom, é isso.
Já usaram? Gostaram?
Estou amando a minha volta à ruivice =)
Pretendo fazer a manutenção do tom com o Moulin Rouge da Lola (já falei sobre ele pra vocês aqui).


Bjs,
Patrícia Fernandes


p.s.: Pra quem ainda não tá sabendo: tem sorteio rolando aqui no blog. Leia o post e participe
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

POSTE SEU COMENTÁRIO AQUI.
Envie sua sugestão para posts (e críticas) para o nosso e-mail: mundodapattyoficial@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...